Profissional do Futuro: Rafael Frota

Falámos com Rafael Frota, o vencedor da categoria Cozinha Makro do concurso Jovem Talento da Gastronomia 2020. Em entrevista, o jovem cozinheiro aborda o futuro da profissão em Portugal e o que o fez ganhar encanto por esta área. 

Qual a relevância da formação para um profissional da área de Hotelaria? O que te fez apaixonar pelo curso? 
 
A formação é uma das bases mais importantes para um profissional na área da hotelaria, é a partir dessa base que conseguimos ser diferenciadores e encontrar a nossa própria identidade. 

Um dos meus melhores amigos foi quem me puxou para a área da hotelaria e a partir desse momento fiquei apaixonado pela adrenalina, pelo calor vivido dentro da cozinha, pela exigência e pela perfeição no olhar de cada cozinheiro que me rodeava. 

Qual é o teu objetivo a nível profissional? 
 
Pretendo trabalhar arduamente e procurar a perfeição tanto no sabor como na técnica, passar pelos melhores restaurantes do mundo, para que no final possa abrir os meus projetos e projetar uma nova visão no mundo da gastronomia portuguesa. 

Fala-nos do prato com o qual ganhaste a competição, “Rio e Serra”, e sua inspiração. 

O meu objetivo era fazer algo que me representasse, um prato que mostrasse a minha identidade. Então explorei ao máximo os produtos locais da minha cidade, Setúbal, trabalhando duas vertentes que combinaram na perfeição: a Serra da Arrábida e o Rio Sado. 

Que mensagens deixas à tua Escola? 
 
Após quatro anos de estudo, um simples agradecimento não será suficiente. Será impossível colocar em palavras o agradecimento que tenho à Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal pela sua formação e exigência. É uma escola que sempre me deixou ter a cabeça nos meus sonhos mas com os pés bem assentes na terra. OBRIGADO EHTS por me ajudar a seguir os meus sonhos! 

Que conselho darias a quem esteja agora a frequentar um curso na área da Hotelaria e Restauração? 
 
Para aproveitarem ao máximo. Quando frequentamos um curso com uma vertente tão prática como aquele que o Turismo de Portugal oferece, com uma panóplia de formadores de excelência, os anos passam a correr. Então, procurem a vossa identidade e divirtam-se à grande! 

Não se esqueçam que hoje em dia já não há lugar para os bons, nem para os muito bons, nem mesmo para os excelentes. Só há espaço para os “perfeitos”. Muitos dizem que a perfeição não existe. Então sê perfeito à tua maneira! 

Edições do Gosto

Newsletter EG

Faça parte da comunidade gastronómica.

Junte-se à Comunidade Gastronómica EG

* obrigatorio