No Nexo 1/2 os cocktails são servidos com pouco álcool

Diogo Lopes e Catarina Correia são bartenders e cruzaram caminhos ao trabalharem juntos no bar de cocktails Red Frog, em Lisboa. Ao longo dos últimos cinco anos foram parte essencial da equipa de Paulo Gomes e Emanuel Minez naquele que é número 40 na lista The World’s 50 Best Bars, bem como, no segundo espaço aberto pelos proprietários em 2019, o descontraído Monkey Mash.

Em abril de 2022, com experiência na bagagem e conhecimento adquirido, decidiram lançar-se a solo e abrir o seu primeiro negócio: o bar Nexo 1/2, em Campo de Ourique. É lá que desde então apostam num conceito de “day drinking” com cocktails com baixo teor alcoólico, uma tendência que acreditam já estar a marcar o mercado do bar a nível mundial.

Falámos com os responsáveis para saber mais sobre o seu trabalho no Nexo 1/2 Bar.

Como é que transformaram essas experiências a vosso favor para a abertura de um bar próprio?

O facto de termos trabalhado com vários produtos e trocado de menu várias vezes no Red Frog e no Monkey Mash ajudou-nos bastante no processo criativo para o Nexo. Cada menu novo implicava a introdução de novas técnicas de bar, utilização de novos ingredientes e criação de novos conceitos. Isso permitiu-nos ter um vasto conhecimento do que pode ou não resultar na criação de uma bebida. Todo esse conhecimento adquirido anteriormente ajuda-nos hoje porque já temos uma espécie de “histórico” na nossa mente em relação a combinações de sabores e/ou melhor forma de extração de sabor de determinado ingrediente.

O Nexo 1/2 distingue-se por apostar num conceito de “day drinking” com cocktails com baixo teor alcoólico.

Acreditamos muito neste novo conceito, é algo que já vemos em países como os Estados Unidos e o Reino Unido e eventualmente vai acabar por ser uma trend por toda a Europa. Fazemos parte de uma sociedade que tem mais conhecimento da origem do produto e também fácil acesso a informação sobre o mesmo. Hoje, vemos o consumidor a comparar valores nutricionais de determinado artigo porque procura algo mais saudável.
Na nossa realidade, enquanto proprietários de um bar, já temos clientes que procuram algo mais saudável e sentem a falta de opções no que toca à área das bebidas: o cliente quer tomar uma bebida, mas não quer ficar alcoolizado; quer socializar com os amigos mas também quer estar capaz de ir ao ginásio no dia a seguir; quer beber um copo e ter a certeza que não vai ser multado numa operação Stop.

Por falar nisso, acreditam que a introdução de bebidas pouco alcoólicas nos menus de bar será um caminho futuro?

Não é uma questão de acreditar, é uma questão de olharmos à nossa volta e ver marcas reconhecidas mundialmente a investir milhões na criação de produtos não alcoólicos como gins, vermutes ou cerveja.

O bar tem como base os produtos sazonais. A partir dessas ideias, como é que idealizam o menu?

A criação do nosso menu é feita em duas partes: produtos não sazonais, como manteiga de amendoim, queijo de cabra e croissant e os sazonais, em que a mãe natureza dita a entrada e a saída do menu. A par disto, também tentamos enquadrar certos perfis de sabores com a estação do ano em que nos encontramos.

Falem de dois cocktails que tenham este momento na carta e respetivas inspirações.

Um óptimo exemplo é o nosso “Piece of Cake Cocktail”, um cocktail inspirado num bolo de cenoura. A cenoura é o ingrediente principal e depois adicionamos duas especiarias, canela e curcuma, e ainda amêndoa. Outro um pouco mais “experimental” é o “Ultracheese”, uma margarita com queijo de cabra e alperce, inspirado numa combinação que estamos habituados a ver numa tábua de queijos.

De que forma os cliente estão a abraçar este vosso novo projeto?

O feedback é bastante positivo. Uma das vantagens de ter um bar pequeno é que nos permite dar um serviço super personalizado e criar uma ligação com todos os convidados que entram pela nossa porta. Sentimos que cada pessoa que nos visita, disfruta da experiência, volta e recomenda o nosso projeto.

Contactos:

Nexo 1/2 Bar
Rua Pereira e Sousa, 4B. Campo de Ourique, Lisboa.
Aberto de terça-feira a sábado, das 17h às 00h30.

PUB

Edições do Gosto

Newsletter EG

Faça parte da comunidade gastronómica.

Junte-se à Comunidade Gastronómica EG

* indicates required
Área de profissão *