Entrevista Luís Pato

Texto: Gisele Rech
Foto: Humberto Mouco

Aos 75 anos, o enólogo Luís Pato, que levou o nome da Bairrada para o mundo, aposta na criatividade dos projetos ao lado da filha Maria João para manter a mente ativa. 

A careta com a língua de fora e as palmas das mãos coladas ao rosto, que mescla a genialidade de Einstein e a irreverência de Mick Jagger, já virou marca registada de Luís Pato. A brincadeira começou há alguns anos, no lançamento do rótulo Rebel, um vinho de verão que sai do padrão mais tradicional da Bairrada – daí, a rebeldia. De certo modo, a disrupção com os padrões no mundo das vinhas, tem muito a ver com a personalidade deste senhor de 75 anos que, aliás, não gosta de ser chamado de senhor. “Sinto-me mais velho quando sou chamado assim”, diz, entre risos. 

PUB

Edições do Gosto

Newsletter EG

Faça parte da comunidade gastronómica.

Junte-se à Comunidade Gastronómica EG

* indicates required
Área de profissão *